08 abril 2016

0

Cafés Melitta: Tradicional, Regiões Brasileiras e Porta filtro Aroma Max 100





Sem dúvida o café é uma das bebidas mais apreciadas pelos brasileiros e a Melitta, uma marca pioneira, além de seu café tradicional, recentemente lançou uma linha de cafés superiores denominada Melitta Regiões Brasileiras. Como o nome sugere, são cafés das regiões produtoras mais famosas do Brasil: Mogiana, Cerrado e Sul de Minas. Vamos falar um pouquinho de café e suas variedades?

Café Melitta Regiões Brasileiras 1

Tradicional:
 Por este sou apaixonada faz tempo... É o cafezinho do dia-a-dia, feito com uma combinação de grãos com ponto de torra clássica, que resulta em um café balanceado de sabor forte e aroma encorpado. 
Está disponível em embalagens a vácuo de 250g/500g e pouch (embalagem fofinha de 500g). 

Café Melitta Regiões Brasileiras 2

A linha Regiões Brasileiras é ideal para quem gosta de descobrir novos sabores e apreciar um café de qualidade. Seguindo a tendência que vem sendo adotada por todos os grandes fabricantes de café, a linha tem o selo ABIC de Cafés Sustentáveis do Brasil, o que garante aos consumidores, que os produtos respeitam normas rígidas de produção, levando em conta a preservação do meio ambiente, a redução do uso de recursos naturais e de agentes poluidores, além da valorização social e econômica dos produtores e suas famílias.


Café Melitta Regiões Brasileiras 3

Mogiana: Blend composto por grãos produzidos na Mogiana paulista, que resulta em um café com aroma pronunciado, sabor forte, marcante e encorpado. Quem gosta de cafés mais "concentrado" vai adorar, é o típico cafezinho para depois do almoço.


CerradoBlend composto por grãos produzidos no cerrado mineiro, com sabor e corpo intensos e aroma que lembra notas de chocolate. Este é o mais suave dos três, quem tem o gosto apurado, vai perceber este "adocicado". É o ideal para quando você quer tomar um café mais suave.

Sul de Minas: Blend composto por grãos produzidos no sul de Minas Gerais com aroma marcante, sabor prolongado e corpo equilibrado. Este foi o que eu mais gostei, sua acidez é média e o ideal para quem gosta de tomar um cafezinho várias vezes ao dia, ou preparar bebidas. É um meio termo entre a suavidade do Cerrado com o sabor marcante do Mogiana.

Quer sentir todas as nuances do seu cafezinho? O ideal é prepará-lo da forma tradicional, com coador de papel, visto que a moagem desta linha Regiões Brasileiras é mais grossa e serví-los puros, sendo o primeiro gole sem adoçar, para sentir apreciar o sabor e as nuances dos grãos.


Porta filtro Aroma Max 100 e filtros de papel (30 unidades)

Café Melitta Regiões Brasileiras 4

A grande novidade desta linha é este porta filtro tamanho 100, de plástico colorido (vermelho, cor tradicional da marca) e resistente, ideal para preparo manual diretamente na xícara (200 ml). 
Possui cavidades na parte superior para facilitar a retirada do coador e duas aberturas na parte inferior para que você posso observar o gotejamento da bebida.

O filtro descartável é próprio para o suporte e seu uso correto é importante para evitar o rompimento e garantir a qualidade da bebida final.
Possui uma tecnologia especial de microfuros, que permite obter o máximo de aroma e sabor do café através do maior contato entre água e pó, além da dupla costura que garante mais segurança ao preparo. O resultado é uma bebida sempre homogênea, sem resíduos e com aroma e sabor. 

Para fazer aquele cafezinho gostoso utilizando seu suporte, deve-se colocar o filtro de papel descartável, despejar um pouco de água fervente antes, para remover o gosto de papel. Depois, acrescenta-se o pó e um pouquinho de água fervente, para uma pré-infusão. Quando começar a gotejar, deve-se colocar o restante da água, sem parar, em movimentos circulares.

Que tal uma receitinha para adoçar ainda mais o seu dia?

Café com paçoquinha

Ingredientes: 1/2 xícara de café coado quente; 1/2 xícara de leite quente; 1 paçoquinha do tipo "rolha"; 1 colher de sopa de doce de leite e espuma de leite para finalizar.

Como fazer: Esfarele a paçoquinha e misture com o doce de leite. Coloque o café em uma xícara grande e distribua a mistura de paçoquinha por toda a borda. Complete com o leite quente e finalize com a espuma de leite. Na hora de tomar, misture a paçoquinha com o café e o leite.

Minha opinião: Eu como uma boa apreciadora de um bom cafezinho, recomendo as 3 variedades, são bem superiores e achei pelo menos ao meu gosto, cada tipo específico para uma determinada hora do dia ou situação.
Eu adorei o Sul de Minas, foi o que mais combinou com o meu paladar para tomar todo dia e a qualquer hora. O Mogiana é o meu preferido para depois do almoço, acho que combinou muito bem, por ser mais concentrado, forte. O “Cerrado” por ter um sabor mais adocicado e ser mais suave, achei delicioso para combinar com doces, com um bom pedaço de bolo. Mas gosto é muito pessoal, recomendo que vocês experimentem e tirem suas próprias conclusões.


Quer maiores informações sobre os produtos? Então acesse Melitta ou as redes sociais: FacebookYouTubeInstagram ou Pinterest.



0 comentários:

Postar um comentário

♥ Obrigada por deixar o seu comentário, responderei o mais breve possível. Volte sempre!!! ♥